ROBERTO DE SOUSA CAUSO EM ANTOLOGIA DE FC INTERNACIONAL




Brasa 2000” é o conto de Roberto Causo selecionado por Mariano Villarreal, experiente editor espanhol, responsável pela série de antologias Nova Fantástica, para a coletânea internacional “América Fantástica”, que reúne autores da Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Cuba e  Chile.
 O conto de Causo   é uma narrativa de guerra futura ambientada na cidade de São Paulo, durante uma guerra entre Brasil e Argentina, na qual drones de ataque são utilizados na grande metrópole. A história apareceu primeiro em Ficções: Revista de Contos N.º 15 (2006), e no mesmo ano na revista eletrônica argentina Axxón N.º 169 (2006), com tradução de Sergio Gaut vel Hartmane em outra antologia de FC latino-americana, Qbit: Antología de la nueva ciencia ficción latinoamericana, editada por Raúl Aguiar para a Casa de las Americas, em Havana, Cuba, e publicada em 2012. O conto saiu ainda na revista eletrônica Perry Rhodan Volume 44, em 2016.
Histórias de guerra futura são raras no Brasil. Há precedentes, porém, como o romance A Invasão (1980), de José Antonio Severo, e o conto “A Pedra que Canta” (1991), de Henrique Flory. Mais tarde, a invasão do Iraque em 2003 levou a uma pequena onda de romances de guerra futura envolvendo o choque de uma superpotência tecnológica com o Brasil. A Guerra da Amazônia (2004), de Carlos Bornhofen, é um exemplo, assim como A Ira da Águia (2005), de Humberto Loureiro.
Villarreal calcula que, não havendo atrasos, “a antologia começará sua distribuição no mês de abril, dividida em dois volumes por razões comerciais (só o primeiro já ocupa 500 páginas)”. Fala-se em uma promoção do livro entre 7 e 20 de julho, quando “se celebra el Festival Celsius em Avilés, o evento literário mais importante do estado espanhol quanto à literatura fantástica e de ficção científica”. A Huso Editorial y Ediciones Cumbrias, de Madrid, é dirigida por Mayda Bustamante e possui um caráter bem internacional.
O índice de América Fantástica: panoráma de autores latinoamericanos fantásticos del nuevo milénio revela que “Brasa 2000“, na tradução de Sergio Gaut vel Hartman, é a única contribuição ficcional brasileira — uma honra para Roberto Causo, que também escreveu para Villarreal um ensaio curto sobre a ficção científica no Brasil, incluído no livro.


Comentários

  1. Muito obrigado pela divulgação, Paulo Soriano! Abração pra você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há de quê, Roberto Causo.
      Há de se divulgar não apenas o que há de bom em nossa literatura fantástica, mas sobretudo, a sua projeção além dos nossos estreitos lindes.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O RETRATO OVAL - Conto Clássico de Terror - Edgar Allan Poe

O CORAÇÃO DELATOR. Conto clássico de terror. Edgar Allan Poe

BERENICE - Conto Clássico de Terror - Edgar Allan Poe