Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2020

A MÃO MISTERIOSA - Conto Clássico de Terror - Guy de Maupassant

Imagem
A MÃO MISTERIOSAGuy de Maupassant(1840 – 1893)         Fazia-se um círculo em volta do Sr. Bermutier, juiz de instrução, que dava a sua opinião acerca do crime misterioso de Saint-Cloud. Havia um mês que aquele inexplicável crime alvoroçava Paris. Ninguém podia compreender o caso.         O Sr. Bermutier, de pé, costas para a chaminé, falava, amontoava provas, discutia as diversas opiniões, mas não chegava a uma conclusão.         Muitas mulheres haviam-se levantado para se aproximarem dele e ficaram de pé, o olhar fixo na boca rapada do magistrado, de onde saíam palavras graves. As senhoras estremeciam, vibravam, crispadas por um medo curioso, pela ávida e insaciável necessidade de pavor que é inseparável da sua alma e que as torturava como uma fome.         Uma delas, mais pálida que as outras, pronunciou durante o silencio:         — É pavoroso! Toca as raias do sobrenatural. Nunca saberemos de nada.         O magistrado voltou-se para ela:         — Sim, minha senhora, é provável …

O TERRÍVEL ANCIÃO - Conto Clássico de Terror - H. P. Lovecraft

Imagem
O TERRÍVEL ANCIÃOH. P. Lovecraft(1890 – 1937)A intenção de Angelo Ricci, Joe Czanek e Manuel Silva era fazer uma visita ao Terrível Ancião. Esse velho homem vive sozinho em uma casa muito antiga da Rua da Água, próxima ao mar, e tem a fama de ser, ao mesmo tempo, extremamente rico e extremamente frágil. Isto constitui uma situação muito atrativa para homens da profissão dos senhores Ricci, Czanek e Silva, que não era outra senão a digna gatunagem.Os moradores de Kingsport dizem e pensam muitas coisas sobre o Terrível Ancião. Coisas que, em geral, o protegem das atenções de cavalheiros como o senhor Ricci e seus companheiros, apesar da quase absoluta certeza de que ele esconde uma fortuna de indefinida magnitude em algum lugar de sua mofada e venerável vivenda. Ele é, em verdade, uma pessoa muito estranha, de quem se acredita que fora, em juventude, capitão de veleiros das Índias Orientais. É tão velho que ninguém se recorda dos tempos em que era jovem, e tão taciturno que poucos sabem…

WIRELESS - Conto de Terror - Mauren Guedes Müller

Imagem
WIRELESSMauren Guedes MüllerEra impossível relaxar naquelas circunstâncias. Porém, o fato de estar deitado sobre uma maca fez com que André se lembrasse de alguns exames de rotina que havia feito no Brasil, nos quais sempre havia um enfermeiro que lhe dizia para relaxar. Fechou os olhos e respirou fundo, ao mesmo tempo em que se perguntava como o destino acabara por colocá-lo naquela situação, como raios o sonho americano se transformara num pesadelo tão terrível.Lembrou-se de quando chegara nos Estados Unidos, de sua rápida ascensão, de auxiliar a programador, naquela multinacional em que se empregara. Vieram-lhe à mente as imagens da linda americana com quem se casara e da filhinha que lhes nascera. Mas também se lembrou, com detalhes, das emoções terríveis e estranhas que o haviam dominado completamente naquela determinada ocasião, sem que ele mesmo soubesse de onde vinham, sem que ele mesmo fosse capaz de entender por que elas haviam surgido.Sentiu o tiopentato de sódio sendo inje…

O REI PESTE - Conto Clássico Fúnebre - Edgar Allan Poe

Imagem
O REI PESTEEdgar Allan Pöe(1809 – 1949)Os deuses suportam e permitem aos reis as coisas que abominam da ralé. BUCKHURST, A Tragédia de Ferrex e Porrex.Era no mês de outubro, sob o reinado cavalheiresco de Eduardo III. Por volta da meia noite, dois marujos da tripulação do Free and Easy, escuna de comércio que fazia o serviço entre Ecluse e o Tâmisa, e que estava então ancorada neste rio, achavam-se sentados na sala de uma taverna da paróquia de Santo André, em Londres, a qual tinha por insígnia Alegre Lobo do Mar. Essa sala, mal construída, com tetos em cima da cabeça, denegrida pela fumaça: semelhante, enfim, a todas as tavernas daquela época, agradava, apesar disso, aos diferentes grupos de bebedores que a ocupavam.Dentre esses grupos, os dois marinheiros formavam, a nosso ver, o mais interessante, se não o mais notável.O que parecia mais velho e a quem o outro dava o nome caraterístico de Legs, era também o mais alto dos dois. Tinha bem uns seis pés e meio de cima até abaixo e, con…